Histórico

Veranópolis teve sua colonização iniciada em 1884, quando os primeiros imigrantes italianos aqui chegaram. Antes, já a partir de 1830, todo o território desta região pertencia ao município de Santo Antônio da Patrulha, e as freguesias mais próximas da atual cidade de Veranópolis eram Lagoa Vermelha e Vacaria. Uma única estrada ligava estas freguesias ou distritos a Santo Antônio da Patrulha.

Com o tempo, os fazendeiros de Lagoa Vermelha foram abrindo picadas e penetrando na região da futura colônia Alfredo Chaves. Tomavam posse da terra das matas do rio das Antas para o cultivo de milho e extração de erva-mate. No local mais aprazível daquela gleba de terra, havia um ponto de encontro de tropeiros que, periodicamente, se aventuravam a passar por ali, com destino a Montenegro. Este lugar preferido para repouso e encontro neste longo caminho, com uma elevação rochosa e ótima vertente de água recebeu o nome de Roça Reúna.

O excesso de pretendentes aos terrenos nas antigas colônias obrigou à Inspetoria Geral de Colonização a planejar e a concretizar a criação de uma nova colônia, para onde seriam encaminhados os excedentes populacionais.
No local conhecido como Roça Reúna, foi instalada em 1884 a colônia Alfredo Chaves, pertencente ao município de Lagoa Vermelha.

Foi após esta decisão que começaram a chegar os primeiros imigrantes italianos advindos principalmente das províncias de Treviso, Pádua, Cremona, Mântua, Belluno, Tirol e Vicenza. Pouco tempo depois, os primeiros poloneses chegavam ao município.
Em 1898, passou à categoria de vila. Por existir outro município com o nome de "Alfredo Chaves", no Espírito Santo, foi oficilizado o nome Veranópolis (que significa "cidade veraneio").

 
VERANÓPOLIS

Veranópolis, Berço Nacional da Maçã e Terra da Longevidade, está localizada a 170 quilômetros da capital do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre. De clima subtropical, a 705 metros de altitude, Veranópolis é um paraíso incrustado na Serra Gaúcha.

Com uma população de 26.121 habitantes (Estimativa IBGE 2009 - Censo 2007 aponta 23.904 pessoas)e uma área de 289,4 km², é uma das melhores cidades para se viver, sendo o município com o 9º melhor Índice de Desenvolvimento Sócio-Econômico no Estado (índice de 0,788 em escala até 1,00), segundo a Fundação de Economia e Estatística (FEE) do Rio Grande do Sul. Já pelo Índice de Desenvolvimento Humano, divulgado pelo IPEA, Veranópolis alcança nota 0,850 (também em uma escala até 1,00).


Outros dados:

  • Vias De Acesso: RSC 470, RS 359 e RS 355
  • Altitude: 705 metros
  • Clima: Subtropical
  • Distâncias:
    • Porto Alegre: 170 Km
    • Bento Gonçalves: 40 Km
    • Caxias do Sul: 80 Km
    • Nova Prata: 20 Km
    • Passo Fundo: 120 Km
  • Densidade Demográfica (2007): 82,6 hab/km²
  • Taxa de analfabetismo (2000): 4,6 %
  • Expectativa de Vida ao Nascer (2000): 75,51 anos
  • Coeficiente de Mortalidade Infantil (2007): 8,70 por mil nascidos vivos
  • PIB (2006): R$ 387.762.000
  • PIB per capita (2002): R$ 18.161,00
  • Exportações Totais (2007): U$ FOB 59.475.198
  • Data de criação: 15/01/1898 (Decreto nº 124-B)
  • Munícipio de origem: Lagoa Vermelha

Venha à Câmara

Av. Dr, José Montaury n° 334, Centro
Veranópolis - RS - CEP: 95.330-000
Horário: Segunda à sexta-feira, das 8h30m às 11h30m e das 13h30m às 17h.

Telefones

Telefone: (54) 3441-1355

Fone/Fax: (54) 3441-5830